Em visita de inspeção, Coren-RN elogia funcionamento da Unidade Integrada de Saúde Dr. Eilson Gurgel do Amaral - Folha Potiguar - Notícias e opinião - RN

Últimas Notícias

Post Top Ad

Responsive Ads Here

Post Top Ad

Responsive Ads Here

segunda-feira

Em visita de inspeção, Coren-RN elogia funcionamento da Unidade Integrada de Saúde Dr. Eilson Gurgel do Amaral

Essa foi a primeira visita feita pela a autarquia federal na atual gestão municipal e, pela primeira vez, o Município não foi notificado sobre qualquer irregularidade no funcionamento daquela unidade.

Cumprindo o seu papel de normatizar, disciplinar e fiscalizar o exercício profissional nas instituições de saúde, o Conselho Regional de Enfermagem do Rio Grande do Norte Coren-RN) realizou, na última sexta-feira (11), visita de inspeção na Unidade Integrada de Saúde Dr. Eilson Gurgel do Amaral, em Felipe Guerra.


Essa foi a primeira visita feita pela a autarquia federal na atual gestão municipal e, pela primeira vez, o Município não foi notificado sobre qualquer irregularidade no funcionamento daquela unidade. Pelo contrário, a visita rendeu muitos elogios da equipe do Coren-RN à gestão daquela unidade de saúde, especialmente no tocante às condições de trabalho oferecidas aos profissionais de saúde que ali atuam.


O Sistema de Conselhos


Criado pela Lei nº 5.905/73, o Sistema Conselho Federal e Conselhos Regionais de Enfermagem atua tendo como objetivo a busca do exercício profissional seguro para os profissionais de enfermagem e usuários. Assim, para o cumprimento da sua função, a atuação do Coren consiste em:


  1. Inscrição do profissional e registro de pessoas jurídicas – inclui a atualização permanente e a realização de transferências e cancelamentos, zelando para que somente pessoas habilitadas exerçam a profissão de Enfermagem.
  2. Fiscalização do exercício ético-profissional – consiste na fiscalização às instituições de saúde, onde atuam profissionais de Enfermagem, para averiguar o comprimento da legislação vigente pertinente à Enfermagem e orientação aos profissionais de Enfermagem sobre o agir ético-profissional.
  3. Tribunal ético – recebe denúncias éticas, que são apreciadas pelo plenário do COREN e podem resultar em abertura de processo ético e julgamento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário