Header Ads Widget

Acesso a internet é vendido por servidores dentro do hospital de Apodi à R$ 10

Acompanhantes de pacientes tem que pagar o serviço aos servidores da instituição para conseguirem acesso a rede no aparelho celular.

Um cidadão apodiense, cujo identidade será preservada, fez uma queixa sobre uma situação ocorrida no Hospital Regional Hélio Morais Marinho, em Apodi. Segundo a pessoa, funcionários do hospital estão cobrando aos acompanhantes dos pacientes pela utilização da rede de internet do local.

O indivíduo contou que ele e outros cinco familiares passaram pelo hospital para cuidar de seu avô. Durante esse tempo, foi cobrado a eles uma quantia média de R$ 10,00 por cada aparelho celular, para ter acesso ao wi-fi do local. Neste Sábado (07), o cidadão pagou R$ 20,00 pela conexão. Ao todo, foram gastos R$ 70,00 por ele e sua família.

Segundo o que nos foi repassado, no internamento só tem internet aberta na recepção. Se alguém quiser fazer uso da internet da enfermaria, terá que pagar, pois os funcionários dizem que quem paga são eles para poder ter o acesso, pois dentro o hospital não tem.

O fato foi relatado hoje, em um grupo do Whatsapp para que toda a sociedade ficasse sabendo. As informações foram colhidas com o mesmo, em particular.

Em nota de esclarecimento, Girlene Ferreira, a diretora do hospital, disse que o hospital tem uma internet patrocinada pelo governo do estado para ser usada por toda a instituição.

Fonte/Gazeta Apodiense

Postar um comentário

0 Comentários